Já ouviu falar em disrupção? Entenda agora o que significa!

Tempo de leitura: 2 minutos

Entenda o que é disrupção e o motivo que faz o termo ser amplamente utilizado 

O termo disrupção significa ruptura, rompimento e interrupção. Na eletricidade, a disrupção diz respeito ao restabelecimento de uma corrente elétrica. Mas, qual será o motivo que faz o termo ser vastamente utilizado na tecnologia e no mercado de trabalho?  

Acompanhe este texto e descubra o que é essa disrupção e qual a sua relação com o ambiente profissional! 

 

Afinal, o que é disrupção? 

Disrupção tecnológica, disrupção criativa, disrupção digital… Enfim, são várias as disrupções disseminadas na mídia e no mercado de trabalho, principalmente no mundo do empreendedorismo no qual o termo é bem utilizado. Mas, você sabe o que é disrupção? Entenda o significado nas próximas linhas! 

O termo “disrupção tecnológica” foi cunhado por Clayton Christensen, professor da universidade de Harvard, e surgiu mais precisamente pela primeira vez no ano de 1995, em um artigo, intitulado Disruptive Technologies: Catching the Wave desse autor.  

O conceito de disrupção está relacionado à inovação, mudanças, ao oferecimento de um serviço prática que causa uma mudança eficaz, acessível, de menor custo e transformadora. É a capacidade de analisar o mercado, as necessidades dos consumidores e antecipar a criação de algo útil ou a reinvenção de um produto. 

Por causa da velocidade das informações atuais e das mudanças rápidas, os profissionais e empresas disruptivas se diferenciam e geram resultados positivos com seus produtos. Eles provocam uma ruptura na forma em que algo era ofertado anteriormente, até mesmo na modificação de seu modelo de negócios.   

A Netflix, que possui atualmente um grande valor no mercado, é um exemplo de empresa disruptiva acessível, que tem bastante adesão do público e até mesmo modifica hábitos pessoais, como a preferência dos consumidores pelas séries, filmes ou documentários da Netflix em detrimento da televisão.  

Outro exemplo é o Airbnb, que modificou a forma como as pessoas alugam residência e provocou alterações no setor de hotelaria. 

Nos dias atuais, em um mercado de trabalho competitivo, o modo disruptivo de pensar e agir é utilizado para solucionar necessidades, evoluir serviços e produtos e para fazer a diferença. E é exatamente devido ao caráter forte e transformador do seu conceito que o termo disrupção é utilizado em larga escala. 

 

  • Você conhece exemplos de empresas disruptivas da sua área de atuação? Conte-nos abaixo!